Sérgio Conceição: "O árbitro estava a dar cartões com facilidade ao FC Porto"

Sérgio Conceição: "O árbitro estava a dar cartões com facilidade ao FC Porto"

Treinador do FC Porto analisou o empate (0-0) em casa do Atlético de Madrid.

Análise do encontro: "É um ponto conquistado, queríamos os três, sabíamos da dificuldade do jogo, da qualidade individual e coletiva desta equipa do Atlético, Foi muito competitivo, o Atléitico entrou bem, houve uma situação nos primeiros 10/15 minutos no nosso terço defensivo, nos também tivemos uma. Houve muito equilíbrio, houve mais domínio do Atlético na primeira parte, a segunda parte foi mais dividida, mas sempre a surgirmos nós com mais perigo. Eles têm um remate perigoso na segunda parte, mas houve equilíbrio com situações mais claras para nós. De realçar o trabalho dos jogadores na estratégia para o jogo. As pessoas a admirarem-se com o onze, mas isso já faz parte. Cabe-me a mim decidir a partir do que vejo diariamente e dos principios da eqiupa. E temos sempre de olhar para o adversário, claro."

Substituição de Zaidu e mudança nas laterais: "Foi pelo amarelo, o árbitro estava a dar cartões com facilidade ao FC Porto, não podíamos arriscar. O que pretendi foi um trabalho importante, a começar pelos avançados, para condicionarem a ação do médio-defensivo. Depois tínhamos de saltar à largura com inteligência e velocidade, nas laterais. Apesar daquilo que tem sido o João Mário, com um início de época fantástico, achei que a experiência do Corona, assim como a frescura e a velocidade do Zaidu, poderiam ser interessantes. Tirámos o Zaidu porque estava com amarelo. Domingo será outro jogo, haverá, com certeza, outra estratégia, dentro dos princípios a equipa."

Elogio a Zaidu: "O Zaidu fez uma grande Champions no ano passado, é poderoso fisicamente e era um pouco isso que pretendíamos para este jogo. Com o Corona procurávamos mais experiência na ala. Mas sem esquecer o João Mário, que tem feito um arranque de época espetacular."