Um dos segredos do FC Porto: Sérgio Conceição chamou as famílias

Um dos segredos do FC Porto: Sérgio Conceição chamou as famílias

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Bruno Filipe Monteiro / Carlos Gouveia

Tópicos

Técnico pediu às esposas e familiares que enviassem mensagem numa saída crucial para o título

O trabalho que a equipa técnica do FC Porto realiza com os jogadores vai muito além do que se vê habitualmente nos 90 minutos de um jogo. Lá dentro, na intimidade do balneário, há várias estratégias que Sérgio Conceição utiliza para mexer com o aspeto psicológico dos jogadores. E em Tondela, onde os dragões conseguiram uma vitória importante na caminhada para o título, foi a vez de as famílias também entrarem em ação.

Ao que O JOGO apurou, foi solicitado às esposas, namoradas e familiares dos atletas que escrevessem uma mensagem motivacional para os companheiros e a verdade é que, no caso de Danilo, que deu conta dessa surpresa nas redes sociais, as palavras acabaram por ter um forte impacto. Jéssica Widenby pediu ao médio para "insistir, persistir e nunca desistir", lembrando que só assim viriam coisas boas, e verdade é que o Comendador acabou por se estrear a marcar esta época, a passe de Alex Telles, tal como este lhe havia prometido. Tiquinho Soares, como se pode ver na imagem, também mostrou a carta da esposa, embora sem revelar o seu conteúdo.

Este tipo de trabalho psicológico, segundo apurámos, foi frequente ao longo da temporada e, aqui e ali, os jogadores foram dando conta disso em algumas mensagens nas redes sociais. A descrição de Fábio Silva sobre Mbemba, que o central congolês expôs depois de marcar em Paços de Ferreira, uma das deslocações mais complicadas do FC Porto na reta final da Liga, foi apenas uma dessas estratégias, que são definidas pela equipa técnica em função do momento.

Alguns não pedem nada, pelo facto de os atletas estarem fortemente motivados - por vezes até convém diluir alguma euforia - e outros exigem um incentivo extra. Este era um dessas casos, já que o triunfo em Tondela deixaria (como sucedeu) os dragões muito próximos de carimbar a conquista do título. Por isso, Conceição sentiu que era uma boa altura para "chamar" a verdadeira família dos elementos do plantel ao balneário, onde o treinador não se cansa de dizer que se vive um ambiente... familiar. E este é só mais um segredo que ajuda a explicar a (previsível) conquista do campeonato.