Reviravolta e neve na passagem do FC Porto B às meias-finais da PL International Cup

Reviravolta e neve na passagem do FC Porto B às meias-finais da PL International Cup

Um golo de Santiago Irala, nos derradeiros minutos do jogo, qualificou o FC Porto B para as meias-finais da Premier League International Cup

O FC Porto B esteve a perder, a neve e o frio acentuaram-se na segunda parte, mas foi com golos depois do intervalo que os dragões bateram o Liverpool, por 2-1, seguindo para as meias-finais da Premier League International Cup, competição que, recorde-se, conquistaram a temporada passada.

Num jogo que mudou de local para tentar escapar aos efeitos do mau tempo que afeta também a Inglaterra, o Liverpool foi o primeiro a marcar aos 33 minutos - golo é de Virtue, a passe de Millar, com um remate dentro da área do FC Porto B -, mantendo a vantagem mínima até ao intervalo.

Foi já com um relvado coberto de neve, consequência de um intervalo em que o mau tempo acentuou-se, que a equipa treinada por António Folha deu a volta ao marcador. Bruno Costa empatou aos 58 minutos e Santiago Irala fez o golo da vitória aos 93 minutos, na sequência de uma boa jogada de Luís Mata, o lateral-esquerdo que jogou do lado direito da defesa portista.

O FC Porto B, detentor do troféu, apurou-se assim para as meias-finais da Premier League International Cup, fase da prova que contará também com Arsenal, Villarreal e ainda o vencedor do Sunderland-Newcastle, o derradeiro jogo dos quartos de final, agendado para 7 de março.

Leigh Sports Village Stadium (Leight, Inglaterra)

Liverpool: Dan Ward; Williams, Galegher, Masterson, Johnston, Dixon-Bonner, Millar, Virtue, Gomes, Lewis e Adekanye Substituições: Toni Gomes por Sharif. Não utilizados: Williams, George; McAuley, Clayton, Boyes
Treinador: Neil Critchley

FC Porto B: Mbaye; Luís Mata, Diogo Queirós, Diogo Leite, Rui Moreira, Oleg Reabciuk, Bruno Costa, Luizão, Madi Queta, Danubio e Santiago Irala. Substituições: Danúbio por João Cardoso por Luizão por Paulo Estrela. Não utilizados: Diogo Costa, Pedro Gomes, Musa Yahaya, Chikaoui, João Cardoso, Paulo Alves e Tony Djim
Treinador: António Folha

Ao intervalo: 1-0
Marcadores: Mathew Virtue (33), Bruno Costa (58) e Santiago Irala (93)