"Quando se fala mais de ti no México do que na Argentina, magoa um pouco"

"Quando se fala mais de ti no México do que na Argentina, magoa um pouco"

Agustín Marchesín, guarda-redes do FC Porto, em entrevista à Tyc Sports.

Maior reconhecimento no México do que na Argentina: "Não gosto de subestimar as pessoas, tento trabalhar para mim e faço sempre o meu melhor. Quando vês as notícias e se fala mais de ti no México do que na Argentina, magoa um pouco. Qualquer um gostaria de ser reconhecido no seu próprio país. Com Lionel [Scaloni] tive a sorte de ser mais protagonista e isso dá-me uma grande satisfação. Talvez o jogo contra a Juventus faça com que seja visto um pouco mais, mas no México tive a sorte de ser campeão e ganhar o prémio de guarda-redes do ano da Liga."

Orgulho de fazer parte da seleção: "A equipa técnica vê todos os jogos e eu sinto que tenho estou a fazer as coisas bem há muito tempo. Para mim é um orgulho estar na seleção e em fazer parte deste processo que está a melhorar de dia para dia. É um grande sonho fazer parte de uma convocatória, é o máximo para qualquer jogador, seja ele o primeiro, segundo, terceiro, o que quer que seja. Enquanto estive no Peru, perdi o nascimento do meu filho. Colocamos muitas coisas de lado para lá estarmos."