Osvaldo: clube-ponte confirma estar a caminho

Osvaldo: clube-ponte confirma estar a caminho

Avançado assina pelo Sud América, do Uruguai, que por sua vez confirma a mudança para o FC Porto.

O caminho que vai conduzir Pablo Osvaldo ao Dragão tem um desvio pelo Uruguai e pelo Sud América, clube pelo qual o avançado assina para pagar menos impostos do que se chegasse a Portugal a custo zero. A prática é legal e corrente e o clube uruguaio servirá apenas como ponte para que Osvaldo possa poupar nos impostos.

"Ele terminou contrato com o Boca Juniors. É um jogador que não tem clube e não vai direto para o FC Porto, porque somos nós que vamos conduzir as negociações", explicou Miguel Mesones, diretor desportivo do clube uruguaio, à radio Sport 890.

"Somos uma instituição dirigida por um grupo empresarial. O Sud América é um clube-empresa. No caso do Osvaldo estamos perante uma transferência. O jogador precisa de um clube-empresa, que no caso somos nós", continuou.

[destaque:4710783]

A notícia de que o internacional italiano ia assinar pelo emblema uruguaio levantou a curiosidade no Uruguai, confirmando-se mais tarde a presença do jogador e do seu representante na federação uruguaia para colher informações técnicas sobre a assinatura pelo Sud América e posterior saída para a Europa. "Osvaldo esteve cá para uma reunião e passámos pela federação para umas consultas", confirmou Miguel Mesones, então contactado por O JOGO e ainda antes de divulgadas as declarações à rádio do Uruguai.

Mesones fez ainda questão de esclarecer que o presidente do Sud América, Vicente Celio, esteve na Europa a desenvolver contactos para assinar acordos de intermediação e levou duas propostas por Pablo Osvaldo, uma das quais proveniente do Dragão. "Fomos mandatados por um clube europeu para arranjar um avançado e, como tenho boas relações com Osvaldo e ele está livre, juntámos as duas partes", esclareceu igualmente ao nosso jornal. Para além do FC Porto, o Bétis, o Torino e um clube russo também queriam o avançado.