Nuno Lobo aborda projeto de Academia, novas modalidades e nomes em agenda

Nuno Lobo aborda projeto de Academia, novas modalidades e nomes em agenda
Joana Carvalho

Tópicos

Candidato às eleições do FC Porto apresentou o programa da lista B.

Como pretende cumprir o que estava no plano, nomeadamente a construção de um centro de estágio: "Esse projeto da academia já está previsto há muitos anos. Há formas através da sponsorização, do aumento do número de associados... o branding, o naming do estádio. A língua portuguesa é muito rica. Onde está o FC Porto nos países como o Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Angola? Há que levar o nosso nome lá para fora. Comunicação, merchandising... é possível. Penso que é possível com a nossa competência, com o nosso amor, com a nossa dedicação ao FC Porto, é possível arranjar soluções. Sei que a situação é muito grave no FC Porto mas penso que com fortes apoios nós vamos conseguir chegar ao que pretendemos".

Treinador? "O nosso treinador continua, até este momento, a ser o Sérgio Conceição. Quem virá... temos os nossos nomes em agenda mas terá de ser alguém que incorpore o espírito do FC Porto, o amar e sentir a camisola do FC Porto. De preferência, português".

Mística: "Queremos reviver atitudes como de Paulinho Santos, Jorge Costa, Fernando Couto... o sentir a camisola... o João Pinto, o André. É isso que nós queremos sentir no FC Porto. Queremos trazer essa mística de volta. Tem faltado isso. Nós temos que trazer esses nomes para o FC Porto, nomes que sintam o FC Porto. Dar tudo em campo. Como dizia o José Maria Pedroto: enquanto formos bons rapazes vamos ser sempre comidos".

Modalidades: "Queremos trazer modalidades como o futsal, voleibol masculino, o ténis. O voleibol masculino tem "n" títulos. Temos que trazer o voleibol. E tenho a certeza que um dos nossos pontos fortes nesta candidatura foi trazer o futsal. Queremos apostar forte nas modalidades. As energias têm que ser todas canalizadas em nome do FC Porto".

Lista de Pinto da Costa tem vantagem: "É muito difícil em duas ou três semanas apresentarmos as nossas ideias. É muito dificil o contacto com os adeptos, é muito difícil umas eleições serem feitas em dois dias. São muitas dificuldades. Aquela lista que gere há 38 anos tem uma vantagem grande sobre nós, mas no dia das eleições vamos ver".