Mestres em cambalhotas: FC Porto ao lado de PSG e PSV nos triunfos de "virada"

Mestres em cambalhotas: FC Porto ao lado de PSG e PSV nos triunfos de "virada"
Carlos Gouveia

Tópicos

Últimas duas vitórias na Liga de "virada". São cinco em toda a prova e, na Europa, ninguém tem mais

A 12ª e a 13º vitórias consecutivas do FC Porto no campeonato foram conseguidas com uma dificuldade extra, fruto de arranques em falso. Tanto na Amoreira como no Jamor, a equipa de Conceição entrou a perder - por 0-2 no caso do Estoril - , mas foi capaz de dar a volta ao marcador e regressar a casa com os três pontos.

Os dragões, de resto, assumem-se como mestres de "cambalhotas" não só em Portugal como na Europa. Ao todo, esta época, já são cinco reviravoltas só no campeonato (Paços de Ferreira, Tondela, V. Guimarães, Estoril e Belenenses), o que coloca os dragões ao mesmo nível dos franceses do PSG e dos neerlandeses do PSV, ambos líderes nos respetivos campeonatos, tal como o FC Porto. E convém não esquecer que também na recente partida da Taça de Portugal, em Vizela, houve cambalhota.

A força mental e física que a equipa de Conceição tem demonstrado esta época para dar a contrariar resultados negativos é impressionante ao ponto de estas cinco reviravoltas serem tantas como as conseguidas 68 jornadas dos últimos dois campeonatos. Em todo o caso, ainda não constituem um recorde na era de Conceição porque em 2018/19 foram seis os jogos em que começou a perder e terminou a ganhar. Em todo o caso, ainda falta quase meio campeonato para superar este registo.