Mercado está a fechar e dois clubes estão na linha da frente por Romário Baró

Mercado está a fechar e dois clubes estão na linha da frente por Romário Baró
Bruno Filipe Monteiro

Tópicos

Duelo de recém-promovidos pelo empréstimo do médio. Cedência definitiva fora de hipótese.

O efeito dominó que está prestes a acontecer no mercado de transferências poderá ter impacto direto no futuro de Romário Baró. O médio foi muito requisitado por clubes do campeonato principal durante todo o defeso e, segundo informações recolhidas por O JOGO, chega a esta fase com o Arouca e o... Estoril como os mais bem posicionados para o receber.

Sérgio Conceição não se opõe à saída, uma vez que olha para o internacional sub-21 português como um jogador com potencial, que precisa de jogar com alguma regularidade para continuar a evoluir, pelo que a cedência definitiva (com partilha de passe) está fora de hipótese. Contudo, a decisão do FC Porto só será tomada mais perto do fecho da janela, porque um empréstimo nesta altura, seguido de uma saída de Sérgio Oliveira sem ser devidamente compensada, deixaria o plantel curto para a zona intermédia.

Baró mantém-se à espera para perceber o que os próximos dias ditarão, consciente de que as dificuldades para somar minutos no Dragão serão imensas. De resto, nas primeiras três jornadas da Liga Bwin, com Belenenses, Famalicão e Marítimo, respetivamente, nem sequer teve espaço na ficha de jogo. Mais um sinal de que a saída só aguarda mesmo pelo desenrolar dos outros acontecimentos.