"Não há desculpas", atira Sérgio Conceição após derrota do FC Porto

"Não há desculpas", atira Sérgio Conceição após derrota do FC Porto

Sérgio Conceição abordou o desaire na receção ao V. Guimarães

Derrota frente ao V. Guimarães: "Faltaram algumas coisas, mas não foi pelo FC Porto estar a ganhar 2-0. Apesar de o Vitória não ter criado perigo, faltava alguma agressividade, faltava alguma rapidez na circulação. Podíamos ter feito mais um golo. Alertei ao intervalo que tínhamos de mudar a dinâmica de jogo e senti o querer passar o tempo, sem sermos a equipa intensa, agressiva e rápida que normalmente somos. Acabámos por sofrer três golos, é a primeira derrota em casa desde que treino o FC Porto. Há coisas que temos de rever e pensar. As coisas que nos ajudaram a ganhar campeonato e que não estamos a fazer... Temos de nos olhar olhos nos olhos. Estamos no início de época, jogamos de semana a semana. Não há desculpas. Temos de fazer bastante mais".

Lesões: "Não sei se são lesões, mas alguma fadiga. Alguma coisa foi. Na forma como queria mexer na equipa, não era aquela em que estava a pensar, mas são incidências que temos de lidar com naturalidade. Os jogadores que estavam em campo tinham qualidades suficientes para garantir esses dois golos e fazer mais golos".