Premium Recusou ser cedido mas garante: "Ainda sonho chegar à equipa principal do FC Porto"

Recusou ser cedido mas garante: "Ainda sonho chegar à equipa principal do FC Porto"
André Morais

Tópicos

Rui Pires entendeu que seria noutra realidade que poderia tornar-se um trinco mais completo e rumou aos franceses do Troyes. Danilo é uma referência.

Usou a braçadeira de capitão do FC Porto aos 12 anos e não a largou até fechar o capítulo na equipa B. Sem lugar entre as opções de Sérgio Conceição, saiu para a II Liga de França para evoluir, aprender coisas novas e mostrar-se. O sonho de menino mantém-se. E a aposta na formação até parece ter chegado em força.