"Quem nomeia estes árbitros está a ajoelhar-se perante Luís Filipe Vieira"

"Quem nomeia estes árbitros está a ajoelhar-se perante Luís Filipe Vieira"

Francisco J. Marques defende que as arbitragens tiveram um papel determinante na decisão do campeonato

Francisco J.Marques teceu duras críticas às arbitragens, em concreto às dos jogos do Benfica com Feirense, Braga e Rio Ave. Para o diretor de comunicação do FC Porto, os árbitros "decidiram entregar o título" aos encarnados e houve um "antes e depois" das declarações de Luís Filipe Vieira na meia-final da Taça da Liga.

Entrevista de Pinto da Costa a O JOGO: "A entrevista expressa a justa e compreensível indignação por esta ponta final em que alguns senhores árbitros decidiram entregar o título de campeão ao Benfica: João Pinheiro, Tiago Martins, Bruno Esteves, Bruno Paixão, Hugo Miguel, Luís Godinho, os árbitros das três saídas do Benfica ao Feirense, a Braga e a Vila do Conde. Houve nove lances de polémica, todos decididos a favor do Benfica. Não há um lance que os analistas se debrucem que tenha sido decidido em desfavor do Benfica."

Responsabilidades: "São responsáveis os árbitros e quem os nomeou. Quem nomeia estes árbitros está a ajoelhar-se perante Luís Filipe Vieira depois do que disse na meia-final da Taça da Liga, há um antes e um depois. Foi preciso eles intervirem, foram absolutamente decisivos. O Benfica, até essa intervenção de Luís Filipe Vieira, até aos tais castigos em segredo, perdeu 13 pontos em 18 jogos. Nos 15 jogos seguintes perdeu dois pontos, foi por mérito? Uma parte sim outra não, nós vimos os jogos."

Segundo do Benfica em Vila do Conde: "Ou não sabem as regras ou validaram o golo de propósito. Se foi de propósito, a justiça tem de atuar, se não foi, não podem ser árbitros. Era uma boa altura para mostrar o áudio, fica aqui o desafio para mostrarem este áudio, porque isto foi vilanagem e entregar o campeonato."

Mudança do Benfica face ao Conselho de Arbitragem: "O significado disto são 40 milhões de euros de acesso à Liga dos Campeões. A FPF não põe mão nisto? Estão todos endrominados pela máquina de propaganda do Benfica? O Benfica agora até diz bem do Conselho de Arbitragem, tenham coragem de explicar essa mudança. Digam-nos o que aconteceu. Qual é o mérito desportivo disto? Uma equipa que tem todas as saídas da segunda teve casos."

Repercussões na tabela: "O FC Porto foi muito prejudicado em Vila do Conde, ficaram dois penáltis muito evidentes por marcar. Um corte com a mão muito mais evidente do que o penálti assinalado em Braga. Destes 9 pontos dos três jogos referidos, na melhor das hipótese, o Benfica teria somado dois pontos. Tenho muitas dúvidas que em Braga, a jogar com dez, tivesse conseguido dar a volta."

Consequências para os árbitros: "As classificações destes árbitros têm que reproduzir o péssimo desempenho que tiveram e a adulteração da verdade desportiva, têm de ser penalizados de forma muito severa. Uma semana de castigo para Luís Godinho? O crime compensa."