Óliver à espreita de uma oportunidade na Taça da Liga

Óliver à espreita de uma oportunidade na Taça da Liga
António M. Soares

Tópicos

Óliver ainda não teve a oportunidade de ser titular esta época

O jogo da Taça da Liga com o Chaves será uma oportunidade para Sérgio Conceição dar ritmo competitivo a jogadores com menos tempo de utilização e Óliver Torres deve ser um dos contemplados com uma oportunidade no meio-campo do FC Porto. O espanhol, ao contrário de Sérgio Oliveira, não foi para a Seleção, tendo ficado a trabalhar no Olival e até foi utilizado a titular no treino de conjunto realizado com a equipa B, atuando ao lado de Danilo e Otávio, num 4x3x3 que ainda não foi usado em partidas oficiais mas que pode ser "surpresa" contra os flavienses, depois de amanhã.

A verdade é que o médio espanhol soma apenas 67 minutos de utilização esta época, distribuídos por quatro jogos (Aves, Belenenses, V. Guimarães e Moreirense), e ainda não convenceu Sérgio Conceição a confiar-lhe a titularidade. Aliás, desde que veste de azul e branco este é mesmo o pior arranque do ex-colchonero, que vem perdendo espaço. O último encontro no onze data da última jornada da Liga da época passada, em Guimarães. Em 2016/17, por exemplo, começou 33 jogos e na temporada passada, já com o atual treinador, só fez parte do onze 14 vezes.

Na baliza, tal como O JOGO já escreveu, também deve haver mudanças, com Vaná a estrear-se esta época, para que Casillas tenha algum descanso. Em todo o caso, não se prevendo uma "revolução" na equipa, é possível que haja pelo menos uma mexida em cada setor.