Casillas fala de Buffon, da adaptação ao FC Porto e do jogo mais saboroso na Luz

Casillas fala de Buffon, da adaptação ao FC Porto e do jogo mais saboroso na Luz

Casillas falou sobre a renovação de contrato com o FC Porto.

Jogar como Buffon até aos 41 anos?: "É curioso que as nossas carreiras sejam parecidas. É preciso continuar em forma e ter o sonho de continuar a competir e a desfrutar do futebol. Alegro-me porque vou continuar a carreira".

Jogo mais saboroso: "Não sabia que falta apenas um jogo para os 150. Tenho grandes recordações de grandes jogos. A vitória no Estádio da Luz, ao minuto 90, por exemplo. Foi muito emotivo. Esse jogo foi o que mais gostei pela forma como tudo aconteceu".

Adaptação: "Foram etapas diferentes. Cheguei cá com 34 anos. Podiam achar que só ia ficar mais um ou dois anos... No início custou a adaptar-me a um novo clube, nova cidade, a um outro futebol. Mas consegui e gosto da tranquilidade e do carinho que o clube me deu".

Títulos: "A nossa ideia é lutar pelos três títulos que temos. Não conseguimos a Taça da Liga, infelizmente, perdemos nos penáltis, mas temos o foco no campeonato, na Taça de Portugal e na Champions".

Futuro: "Gostei muito do ano passado e da festa nos Aliados. Foi um momento maravilhoso. Quero acabar a carreira no FC Porto e sinceramente não sei o que vou fazer depois. Há dois anos achava que aos 38 ia ser o fim, agora vou continuar. Não acho que vou continuar para lá dos 40, é difícil. Vamos época após época".

Liverpool: "Ainda falta algumas semanas, mas vamos com a ideia de que vamos passar a eliminatória. É a nossa mentalidade, não temos outra. Não há pequenos nem grandes nesta fase. Temos muito respeito por eles, mas os outros clubes também têm respeito pelo FC Porto porque temos jogadores para enfrentar qualquer equipa. O mais importante agora é o campeonato, que queremos muito conquistar".