Adrián López fez história em Vila Real: uma viagem ao passado do avançado

Adrián López fez história em Vila Real: uma viagem ao passado do avançado

Avançado do FC Porto marcou os três primeiros golos e o sexto dos dragões na goleada no campo dos transmontanos.

Os quatro golos marcados esta noite ao Vila Real, na Taça de Portugal, constituíram uma estreia para Adrián López. O avançado espanhol nunca tinha feito qualquer póquer na longa carreira como sénior, que começou em 2004/05 ao serviço do Oviedo.

Antes do jogo em Vila Real, Adrián tinha como melhor registo goleador numa partida um "hat trick" ao Córdoba, também numa Taça, mas do Rei, na temporada 2010/11. Vestia então a camisola do Deportivo da Corunha e nessa época fez ainda dois bis, num total de 12 remates certeiros em 40 presenças.

Pela formação galega, Adrián ainda bisaria mais duas vezes, na temporada passada. E se no Corunha faturou a dobrar em quatro ocasiões, pelo Atlético de Madrid fê-lo em três partidas, em 2011/12, a sua época mais produtiva, com 19 golos (57 presenças). A estreia a marcar aos pares foi, no entanto, ao serviço do Alavés, em 2007/08.