FC Porto fala em "injustiça gigante em fase de projeto" após clássico da Luz

FC Porto fala em "injustiça gigante em fase de projeto" após clássico da Luz

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Dragões fazem breve análise ao empate (1-1) no reduto do rival Benfica.

O FC Porto saiu do Estádio da Luz com um ponto, após o empate (1-1) com o rival Benfica, e, apesar de ter deixado o Sporting mais perto do título de campeão nacional, conseguiu também manter a vantagem de quatro pontos sobre as águias, ficando com um pé na fase de grupos da Liga dos Campeões.

Esta sexta-feira, na newsletter "Dragões Diário", os azuis e brancos fazem uma curta análise à partida e apontam a "uma injustiça gigante em fase de projeto".

"Um belíssimo golo de Matheus Uribe, a fechar um trabalho igualmente brilhante de João Mário, reduziu uma injustiça gigante em fase de projeto à condição de um mal menor. Da Luz, onde o FC Porto foi efetivamente melhor do que o adversário, como demonstram de forma avassaladora os dados estatísticos do jogo, a equipa de Sérgio Conceição regressou com um empate (1-1) e com o acesso direto à Liga dos Campeões mais próximo, mas ainda não garantido", assinalam os dragões no boletim matinal, na sequência de um encontro em que o VAR reverteu duas grandes penalidades a favor do Benfica e ainda anulou um golo a Pizzi já no período de compensação.