FC Porto envia nota oficial à Chapecoense assinada por Pinto da Costa

FC Porto envia nota oficial à Chapecoense assinada por Pinto da Costa

Em causa estão os cânticos entoados pelos adeptos portistas no encontro de quarta-feira entre o FC Porto e o Benfica, do campeonato nacional de andebol.

O FC Porto enviou uma nota oficial ao clube brasileiro Chapecoense na qual condenou os cânticos que foram entoados no encontro de andebol entre os dragões e os encarnados.

A provocação dizia "quem me dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica" e foi cantada durante todo o encontro disputado na passada quarta-feira, no Dragão Caixa, e que terminou com a vitória dos azuis e brancos por 30-27.

A nota oficial, assinada pelo presidente do FC Porto, Pinto Costa, lamentou os "tristes acontecimentos", acrescentando ainda que os cantos "não são próprios de pessoas de bem e do meio desportivo, cujo ambiente deve ser sempre de respeito e solidariedade ao adversário e não de propagação de ódio", conforme confirmou fonte oficial do FC Porto à Lusa.