FC Porto ataca Federação e volta a dizer que Benfica é o "polvo"

FC Porto ataca Federação e volta a dizer que Benfica é o "polvo"

Clube azul e branco não esquece a expulsão de Danilo e condena posição da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) em relação ao caso.

O FC Porto continua ostensivo nas críticas à arbitragem... e não só. Esta sexta-feira, o clube azul e branco volta a lembrar a expulsão de Danilo e condena a Federação pela alegada atitude tomada para com a justificação da mesma.

De acordo com alguns meios de comunicação, o internacional português recebeu ordem de expulsão do árbitro Luís Godinho à conta de supostas "bocas", que o FC Porto nega através da newsletter "Dragões Diário". A origem dessa dessa informação terá estado na Federação, que acaba por ser visada pelos dragões.

"Como souberam os jornais o que o árbitro [Luís Godinho] alegadamente escreveu no relatório? Souberam pela Federação Portuguesa de Futebol e pelo seu gabinete de comunicação. (...) O problema é que, para além de ser mentira, não cabe à federação e aos seus funcionários tomarem partido no que quer que seja, mas ainda é mais grave quando vemos alguém da federação tomar as dores do árbitro Luís Godinho em detrimento do comendador, campeão da Europa e jogador da seleção nacional e do FC Porto Danilo Pereira", aponta o Diretor de Comunicação dos azuis e brancos, através da newsletter.

As críticas estendem-se ainda ao Benfica, que volta a ser referenciado como o "polvo" e o "monstro" que "estende os tentáculos por todo o lado":

"A quem interessa que a Federação tome o partido do até esta semana desconhecido árbitro Luís Godinho? Ao Benfica, claro, que estende os tentáculos por todo o lado e quando de um lado está o FC Porto a verdade e os princípios não interessam para nada e há que montar uma encenação que prejudique o nosso clube", pode ler-se na "Dragões Diário".