Corona na Madeira com o Milan de olho: italianos já efetuaram alguns contactos

Corona na Madeira com o Milan de olho: italianos já efetuaram alguns contactos
Ana Luísa Magalhães / Bruno Filipe Monteiro

Tópicos

Cobiça não mexe com a vontade de Tecatito em ajudar... enquanto puder. Este domingo deverá voltar a ficar de fora de um onze em que Zaidu até pode ser a maior surpresa. A dúvida será desfeita às 17 horas...

O arrefecimento nas conversas entre o Sevilha e o FC Porto, anunciado por O JOGO na terça-feira, não acabou com a possibilidade de Corona ainda deixar o Dragão até ao final do mercado. A janela de transferências só encerra dentro de nove dias e há outros clubes que têm procurado recolher informações sobre a situação do extremo.

O Milan, ao que conseguimos apurar, foi um dos que efetuou alguns contactos nos últimos dias, por se encontrar à procura de um jogador capaz de fazer todo o corredor direito. A missão chegou a ser desempenhada vezes sem conta por Tecatito em 2018/19 e de 2019/20, por opção de Sérgio Conceição, e os bons desempenhos não passaram despercebidos além-fronteiras. Se os italianos decidirem avançar, já sabem que os azuis e brancos pretendem efetuar um encaixe na ordem dos 13 milhões de euros pelos 66,5% do passe que detém do jogador. Os restantes 33,5% estão repartidos pelo Twente (30%) e pelo atleta (3,5%).

A cobiça que tem despertado, até por estar a entrar no último ano de contrato com o FC Porto, não altera a linha de pensamento de Corona. O extremo sente-se muito bem no Dragão e, por isso, não forçará uma saída. De resto, o empenho que demonstrou ao longo da semana levou Conceição a incluí-lo na lista de 23 convocados que seguiram no sábado para a Madeira. Contudo, o extremo não deverá ser titular com o Marítimo, até porque não são esperadas alterações profundas na equipa.

A maior incógnita prende-se com o lado esquerdo da defesa, onde Zaidu até poderá render Manafá, mesmo tendo cometido um erro individual com o Famalicão que quase custou a vitória à equipa. O nigeriano, como o treinador tem lembrado, era o único lateral de raiz até à chegada de Wendell e isso poderá dar-lhe alguma vantagem em relação ao português, que também não esteve nos melhores dias em Famalicão. A dúvida será desfeita às 17 horas, quando for conhecida a equipa oficial.