Premium "Conselho Superior do FC Porto tem sido um órgão decorativo"

"Conselho Superior do FC Porto tem sido um órgão decorativo"
Bruno Filipe Monteiro

Tópicos

ENTREVISTA - Movimento "Por um Porto Insubmisso, Eclético e Triunfante" autoexcluiu-se da corrida pela Direção, mas fica feliz por constatar que os candidatos àquele órgão estão a tocar nos pontos que defendem.

Formada num grupo de debate no Facebook, a Lista D propõe-se a dinamizar o Conselho Superior (CS), um órgão de caráter consultivo, composto por 20 elementos, que tem a missão de velar pelos estatutos, emitir pareceres ou apresentar sugestões à Direção e Conselho Fiscal. Por isso, Miguel Brás da Cunha (n.º1), Avelino Oliveira (2) e Luís Folhadela (3) defendem, em entrevista a O JOGO, as medidas que têm para mudar a organização do FC Porto no futuro.