Casillas e os rivais: "Gostei mais do Sporting"

Casillas e os rivais: "Gostei mais do Sporting"

Casillas aborda a luta pelo título e analisa os rivais numa entrevista ao Porto Canal.

Título: "Queremos competir e lutar pelo título. Não pode suceder o que aconteceu o ano passado, em que faltavam quatro jornadas e já estávamos arredados da luta. Tivemos um mês sem ter essa meta, pois só depois competíamos a pensar na Taça de Portugal. Sabemos que não ser fácil, mas para chegar a esse momento teremos de competir desde hoje... O mais importante é competir no dia a dia".

FC Porto equipa mais forte? "É a equipa que mais evoluiu. Apesar de mudar, cresceu mais do que os rivais. As outras equipas mantiveram os seus blocos, nós tivemos de fazer entrar jogadores e mostrar-lhes o que é a equipa, o clube e a cidade. Isso não é fácil. Nesse sentido, acho que o FC Porto é o que se adiantou mais".

Concorrência: "O Sporting tem uma equipa consolidada. Eu conhecia pouco mas as pessoas dizem-me que o Jorge Jesus coloca as suas equipas muito duras, compactas. E nota-se na forma de jogar. Benfica tem sido o campeão, ganhou três Ligas seguidas e nós não temos esse ADN de campeões, mas precisamos de voltar a sentirmo-nos importantes e sermos campeões. E que os rivais nos respeitem, mas temos a missão de ganhar. Isso é o que temos de tentar conseguir. Vamos a meio, creio que nos faltou em algumas partidas que empatamos a zero esse espírito ganhador. Estamos no bom caminho, estamos em dezembro, estamos bem, por falta de sorte estamos fora da Taça de Portugal, mas estamos na luta e é assim que temos de estar em fevereiro e março. Lutar pela Liga, que é o que nos dá de comer, o que gostamos no dia a dia, lutar também pela Taça da Liga e esperar para ver o que dará a Champions League.

Benfica e Sporting: "Eu gostei mais do Sporting. Perdemos em Lisboa e com o Benfica empatámos, foi um milagre, muita sorte, mas isso conta dentro do futebol. Mas esse empate no Dragão não foi justo para nós, na primeira parte podíamos ter feito tranquilamente o 2-0 ou o 3-0, mas na segunda fomos penalizados. Isso também faz parte da experiência, há que aprender. Em Alvalade, o árbitro influenciou bastante no resultado, não sei o que lhe passou pela cabeça naquele momento, mas também não foi um resultado justo sobretudo a nível de arbitragem. Jogar fora é complicado, mas os dois golos do Sporting não foram justos".

Campeonato português: "É uma competição dura, pois vais jogar a campos duros, que não são tão espetaculares como o de Braga, Guimarães, Belenenses, Sporting, Benfica ou o Dragão. Podemos perder pontos em partidas como a que jogamos com o Feirense. Mas em campos pequenos, qualquer livre para a área, qualquer canto, é praticamente uma ocasião de golo. Se facilitas, não estás atento, podes perder pontos".