Sérgio Oliveira despede-se do tio com quem ia ao Estádio das Antas ver o FC Porto

Jogador do Galatasaray escreveu uma mensagem emocionada nas redes sociais.

Sérgio Oliveira, médio do Galatasaray e ex-jogador do FC Porto, partilhou, esta quarta-feira, a notícia de que um tio do internacional português faleceu. O futebolista recorda com carinho o familiar, com quem ia ao estádio para ver o clube azul e branco, com quem ia para os treinos, enquanto criança, e com quem aprendeu a conduzir, entre outras memórias.

Leia a mensagem:

"Hoje é um dia triste. O meu tio faleceu. E está na hora de dizer adeus. Vou publicar aqui, porque o meu tio merece que todos saibam que ele foi crucial e um dos pilares da minha vida profissional e pessoal. Ele ensinou-me a conduzir, levou-me ao meu primeiro treino no FC Porto (com uma multa de parque incluída), lembro-me que me fez uma promessa desde os meus 9 anos de idade, de permanecer com barba até à minha estreia na equipa A do Porto, levou-me para todos os jogos do FC Porto nas "Antas" e no "Dragão", todas as sextas-feiras íamos sempre jantar. Tantas tardes na sua oficina de automóveis. Ele seguiu-me, tal como o meu pai, em todo o mundo, literalmente. Ele nunca me perguntou nada, apenas me deu. Eu não tive tempo suficiente para lhe dar 10% do que ele me deu. Ele tinha sempre um sorriso no rosto, tinha sempre uma mente positiva, uma palavra certa a quem ele amava. Que pessoa ele era... Que família orgulhosa somos por o termos na nossa vida. Podia escrever milhares de palavras e elas não seriam suficientes para expressar o meu amor por si. Obrigado, Agostinho! Descanse em Paz."