Otávio sobre o FC Porto-Benfica: "Só faltou mesmo o golinho no final, não podia ter falhado"

.

 foto Pedro Correia/Global Imagens

Na parte final do FC Porto-Benfica de quinta-feira, para o campeonato, Otávio teve nos pés uma clamorosa oportunidade para fazer o quarto golo dos dragões, mas não conseguiu bater Vlachodimos, atirando ao lado.

O médio Otávio deu uma entrevista ao Jornal de Notícias depois do clássico de quinta-feira frente ao Benfica, que o FC Porto venceu por 3-1. O internacional português fez um balanço, naturalmente, positivo dos últimos dois jogos diante do rival e explicou que, esta época, a equipa está mais "intensa".

"Eliminar o Benfica da Taça de Portugal e chegar aos quartos de final e, depois, continuar líder no campeonato com novo triunfo sobre o rival é muito bom. Seria sempre, fosse qual fosse o adversário, porque temos de fazer o nosso trabalho, mas é muito bom. Agora, é descansar porque temos muitos jogos difíceis pela frente neste novo ano", referiu.

"Só faltou mesmo o golinho no final deste último jogo (risos). Estava completamente sozinho, não podia ter falhado, mas acontece e o mais importante é sempre a vitória", acrescentou.

"Este ano estamos mais intensos, sabemos lidar melhor com o jogo e, mesmo quando temos de jogar em inferioridade numérica, nota-se que a equipa está a um nível superior. Não temos nenhuma derrota - isso também é importante! - e uma coisa posso garantir: vamos dar luta até ao final", atirou, quando questionado sobre a primeira volta do campeonato.

E o Benfica está afastado da luta pelo título, agora que está a sete pontos de FC Porto e Sporting? "É cedo, muito cedo, e temos provas disso no passado recente. Já ganhámos um título depois de estar sete pontos atrás e já perdemos outro desperdiçando essa mesma vantagem. É melhor não pensar muito nisso e lutar até ao final, até ao último jogo para sermos campeões", defendeu Otávio.