Adjunto do FC Porto abre o jogo sobre "a conquista mais linda de Sérgio Conceição"

Adjunto do FC Porto abre o jogo sobre "a conquista mais linda de Sérgio Conceição"

Siramana Dembélé concedeu uma entrevista ao jornalista francês Rémi Martins.

Siramana Dembélé, adjunto de Sérgio Conceição no FC Porto, concedeu uma entrevista ao site do jornalista Rémi Martins e fez um balanço da temporada dos azuis e brancos, que culminou com a conquista da "dobradinha" - campeonato e Taça de Portugal.

Para o francês, os dragões foram "a equipa mais regular em Portugal" nos últimos três anos e a "mentalidade forte" da equipa foi "a conquista mais linda" de Conceição.

"Quando o Sérgio chegou, o principal objetivo foi voltar a ter um FC Porto vencedor, porque ele conheceu o FC Porto forte, que vencia tudo. Era impensável ver o FC Porto perder. Ele trabalhou para que cada jogador fosse forte mentalmente e cada um deles sentisse o que era representar o FC Porto. Como disse, é preciso sentir o clube. O FC Porto é uma história, uma região, e o clube é a cidade. Quando jogamos com esta camisola, representamos uma região", começou por referir Dembélé, prosseguindo:

"Esta mentalidade é forte. A conquista mais linda do Sérgio Conceição é esta", afiançou o adjunto, recordando os duelos com o rival Benfica na I Liga 2019/20.

"Nem sempre é fácil mostrar tudo o que nós queremos no jogo. [O jogo com o Benfica na Luz] foi um grande jogo da nossa parte, há muito tempo que o Benfica não tinha estatísticas assim. Eles não fizeram um remate enquadrado. Foi uma surpresa para muitos, porque ninguém pensava que íamos vencer este Benfica. Estávamos confiantes, tranquilos. Tínhamos um sentimento de orgulho. Quando jogámos contra o Benfica pela segunda vez [no Dragão] estávamos a sete pontos, tínhamos que voltar a 'agarrar o touro pelos cornos'. O Benfica só tinha perdido dois jogos entre a derrota na Luz frente ao FC Porto e este jogo. Eles vieram a nossa casa e fizemos o que tínhamos que fazer. Vencemos e bem", rematou Dembélé.