"A descida da Académica deixa-me verdadeiramente triste", lamenta Conceição

"A descida da Académica deixa-me verdadeiramente triste", lamenta Conceição

Sérgio Conceição expressou lamento, este sábado, pela despromoção do emblema de Coimbra na Liga SABSEG, pelo que não estará no futebol profissional na temporada de 2022/23. O timoneiro do FC Porto, que fez grande parte da formação na na Briosa e orientou os estudantes entre 2012 e 2014, apelou à união local em torno do clube

FC Porto dependente de si para ser campeão/Torcer pelo Benfica contra o Sporting: "Não. Torço para que toda a gente tenha uma boa Páscoa."

Mensagem à Académica: "Quero abraçar um abraço muito sentido às pessoas de Coimbra, nomeadamente adeptos e sócios da Académica, clube pelo qual, como sabem, tenho um carinho muito grande. Comecei a jogar lá com nove anos, não esqueci os anos que fiz na formação da nossa Briosa. Deixa-me verdadeiramente triste a descida [de divisão] da Académica [à Liga 3]. As pessoas de Coimbra têm de tirar a gravata, arregaçar as mangas, e juntarem-se ao clube, porque merece."

Disponível para ajudar: "Parece-me que as pessoas estão desligadas de um grande clube. Temos de voltar a abraçar a Briosa para a colocar onde merece. Se for preciso darei o meu contributo com todo o gosto."