Paulo Sérgio: "Se o Vitória tem feito golo, agora no final, estávamos aqui a chorar"

Paulo Sérgio: "Se o Vitória tem feito golo, agora no final, estávamos aqui a chorar"

Declarações do treinador do Portimonense, no final do encontro com o Vitória de Guimarães (1-1)

Jogo: "As oportunidades perigosas do Vitória são depois do empate. O que revela imaturidade. Foi essa imaturidade que nos deixou fora da taça. Voltou a acontecer hoje. Se o Vitória tem feito golo, agora no final, estávamos aqui a chorar. Vamos ter de continuar a trabalhar. A entrada é muito boa. O Vitória faz golo do nada. Estávamos à procura do golo. Não temos tido resultados bons em casa e começar a perder complicou. Não que não estivéssemos a fazer um bom jogo. Não fomos inteligentes a continuar a fazer aquilo que estávamos a fazer inicialmente. Estávamos a demorar muito, com passes para o lado e para trás. Na segunda parte fomos atrás do prejuízo. Fiz alterações, tinha jogadores frescos no banco, mas com menos ritmo de jogo. A vontade de ganhar era tanta que quase colocávamos em causa o ponto. O que há a registar é o ponto. Temos vantagem em relação ao vitória, se disputarmos alguma coisa. Foi uma reação de querer. Há três semanas que não treinamos. É continuar a olhar para o trabalho."

Vitória em casa: "Quando se começa a perder, vem a cabeça: "bolas, vamos lá outra vez, em casa". Os atletas entram sem pensar nisso, mas, depois, no final, fica um gosto amargo. Tivemos grande infelicidade. E houve a tal imaturidade, porque podíamos perder."

Ultimo terço: "Preocupa-me. Temos de ser mais lestos. Olhar para o trabalho e para os atletas que temos."