Paulo Sérgio antes do Sporting-Portimonense: "Nunca chorei a ausência de ninguém"

Paulo Sérgio antes do Sporting-Portimonense: "Nunca chorei a ausência de ninguém"

O treinador do Portimonense prometeu hoje uma equipa com "ambição" para tentar fazer "o que ainda ninguém conseguiu" na deslocação de quarta-feira ao terreno de um Sporting ainda sem derrotas na Liga Bwin

"É para isso [surpreender o Sporting] que trabalhámos, com esse foco e essa ambição. No fundo, fazer o que ainda ninguém conseguiu. Temos de ser ambiciosos e é com essa ambição que partimos para o jogo", disse Paulo Sérgio, na antevisão à partida da 16.ª jornada da prova.

Pela frente, os algarvios vão ter um adversário "de grande valia" e que, segundo o técnico, "tem um modelo de jogo fácil de analisar, mas não tão fácil de contrariar", o que explica os resultados que tem conseguido.

"Tanto joga apoiado, como joga com grandes movimentos de rutura, como decide muito jogo também de bola parada. Portanto, tem um manancial de soluções de muita qualidade", explicou, sobre os campeões nacionais em título.

Perante a "complexidade da tarefa", o Portimonense preparou-se "o melhor possível para os problemas" que os "verdes e brancos" lhe vão colocar, "mas também com a ideia e ambição de colocar problemas à equipa do Sporting".

Com cinco vitórias em oito jogos fora até agora, os algarvios são uma das melhores equipas na condição de visitantes, um registo que Paulo Sérgio desvalorizou na abordagem ao jogo com os "leões".

"Também perdemos pontos em casa imerecidamente. Acho que é apenas uma coincidência. Entramos em todos os jogos com a mesma postura e ambição, por vezes com estratégias diferentes. Se termos melhor registo fora do que em casa ajuda a equipa a entrar mais desinibida amanhã [quarta-feira]? Talvez, mas cada adversário apresenta-nos problemas diferentes e o foco é sempre, de semana a semana, estarmos preparados para isso", acrescentou.

Com os habituais titulares Carlinhos e Aylton Boa Morte de fora, por castigo, o treinador do Portimonense espera que as alternativas possam estar à altura. O médio-ofensivo Nakajima estará disponível após alguns jogos ausente por lesão.

"Nunca chorei a ausência de ninguém. Aqueles que entrarem em campo têm a minha máxima confiança. Ninguém me vai ver a arranjar desculpas pela ausência de "a", "b" ou "c". A ausência de uns é a oportunidade que outros têm para mostrar por que razão fazem parte do grupo", concluiu.

O Sporting, segundo classificado com os mesmos pontos (41) do líder FC Porto, recebe o Portimonense, sexto com 24 pontos, na quarta-feira, às 21:00, no Estádio José Alvalade, em jogo com arbitragem de António Nobre (Leiria).