Fali Candé, um dos heróis na Luz, ganha maior estatuto em Portimão

Fali Candé, um dos heróis na Luz, ganha maior estatuto em Portimão
Hélio Nascimento

Tópicos

Jovem lateral é uma aposta de Paulo Sérgio e brilhou na recente vitória frente ao Benfica.

O jovem Fali Candé foi outro dos "heróis" do Portimonense na vitória no Estádio da Luz, no passado domingo, embora se tenha falado mais no golo de Lucas Possignolo e nas defesas de Samuel, a verdade é que a atuação do lateral-esquerdo não passou despercebida a muito boa gente, como, aliás, O JOGO salientou.

Os momentos de excelência de Fali estiveram até guardados para os minutos derradeiros, primeiro quando impediu Otamendi de festejar, cortando em cima da linha de golo, e depois quando tirou o pão da boca a Gonçalo Ramos, com uma interceção arriscada, mas deveras proveitosa para manter a vantagem.

Fali Candé é uma aposta muito pessoal de Paulo Sérgio, que há duas épocas, quando o campeonato se reiniciou após confinamento, levou-o dos sub-23 para a equipa principal, participando em nove jogos. Na temporada passada foi quase sempre titular e marcou dois golos, um deles ao FC Porto. Na campanha atual já voltou a marcar e contabiliza também uma assistência.

O Portimonense contratou em agosto Achraf Lazaar, para concorrer com Fali na lateral esquerda, mas, para lá do azar do marroquino, que fraturou o perónio da perna direita na semana passada, o certo é que o internacional por Guiné-Bissau tem ganho estatuto. Por sinal, esta tarde volta a defender as cores da sua seleção, contra Marrocos, na qualificação para o Mundial.