António Folha: "É esta a mentalidade que quero na segunda volta"

António Folha: "É esta a mentalidade que quero na segunda volta"

Treinador do Portimonense considerou "justo" o empate na receção ao Braga.

Resultado e exibição
"O resultado é justo. Duas equipas com identidade, com vontade de ganhar. Por tudo aquilo que se passou o resultado é justo. Foi um excelente jogo de futebol, com várias oportunidades e as equipas a respeitarem-se".

Produção do Portimonense na primeira volta
"Muito positivo para a minha equipa chegar ao final da primeira volta com 24 pontos depois de um inicio atribulado em que tínhamos um ponto em quatro jogos. É esta a mentalidade que quero nesta equipa na segunda volta".

Recebeu e não perdeu com nenhum dos quatro da frente
"É positivo porque ganhámos pontos e é disso que andamos à procura, do máximo de pontos. É positivo porque são confrontos muito difíceis, com equipas muito poderosas, de dimensão superior à nossa. Mas, jogámos de olhos nos olhos, sem medo de perder e, quando não se tem medo de perder e se é ambicioso na vida, o sucesso, aqui e ali, vai aparecer. Por isso, eu quero é que a equipa seja fiel à minha identidade e é assim que vou estar na vida".