Paços de Ferreira entrou mal na segunda parte: "Sem nada fazer prever..."

Paços de Ferreira entrou mal na segunda parte: "Sem nada fazer prever..."
Redação com Lusa

Tópicos

Samuel Gouveia, adjunto de Pepa no Paços de Ferreira, comenta o empate 1-1 na Madeira, com o Nacional.

Paços queria a vitória: ""Este empate sabe a pouco. Uma primeira parte do Paços de Ferreira de grande nível. A perceber muito bem os momentos para pressionar e a conseguir recuperar a bola em zonas altas e depois a jogar, a jogar com qualidade e com critério. Critério esse que nos faltou apenas na decisão no último terço".

Segunda parte: "Na segunda parte e, sem nada fazer prever, não entrámos bem. Deixámos de ser agressivos, perdendo os duelos e o Nacional aí teve um bocadinho por cima, o que culmina com o seu golo.

Reação: "Voltámos a reagir e a entrar no jogo e [embora] sem a qualidade da primeira parte, julgo que, ainda assim, as melhores oportunidades foram nossas e penso que poderíamos ter saído daqui com algo mais".

Paços quebrou fisicamente? "Na segunda parte, não direi que quebrámos no aspeto físico. O Nacional é uma boa equipa também e reagiu. Na primeira parte, estávamos por cima e no primeiro período da segunda parte o Nacional esteve melhor, mas depois voltámos a reagir, por isso, não será pelo aspeto físico".