Cássio: "O pessoal lutou e batalhou"

Cássio: "O pessoal lutou e batalhou"

Guarda-redes revelou que o penálti marcado por Lucho complicou a estratégia que o Paços de Ferreira tinha para o jogo

Apesar de o Paços de Ferreira ter perdido, Cássio lembrou que os jogadores deram tudo dentro do campo. "Foi complicado jogar com um aspirante ao título e ter um penálti contra aos 20 minutos de jogo, que, ainda por cima, nos levou a ficar com menos um jogador. A nossa estratégia até aí estava funcionando. Esperavámos aqui e acolá tirar partido da intranquialidade deles, mas não deu. O pessoal lutou e batalhou. Não fizemos o melhor jogo, mas em relação à luta não há nada a dizer.", declarou o guarda-redes, para quem "o jogo não teve história".

Convencido de que o terceiro lugar obtido pela equipa "não será fácil de alcançar no futuro", o brasileiro considera que o Paços é agora um clube estabilizado. "Antigamente não era estável, agora é. Chegámos com mérito a este patamar e na próxima época temos de continuar organizados para continuarmos a subir", rematou.