Premium Tribunal O JOGO: a bola na mão de Jardel e o golo anulado a Zivkovic

Tribunal O JOGO: a bola na mão de Jardel e o golo anulado a Zivkovic

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Saiba a opinião de Jorge Coroado, José Leirós e Fortunato Azevedo sobre dois lances polémicos no encontro entre V. Setúbal e Benfica (0-1)

5' Jardel toca a bola com a mão dentro da área. Penálti por assinalar?

Jorge Coroado: boa decisão

Jardel foi surpreendido pelo movimento da bola, cabeceada por Cádiz não tendo como evitar o contacto. Não há qualquer motivo para a marcação de grande penalidade

José Leirós: boa decisão

Não há grande penalidade. A bola vem inesperada do ombro do adversário e vai ao braço do Jardel, que nem a viu ao movimentar-se para disputá-la no ar

Fortunato Azevedo: boa decisão

Jardel joga a bola com a mão, mas é devido ao desvio de um jogador do Vitória de Setúbal, que estava em fora de jogo de posição. Interferiu na jogada, logo tinha de ser punido o fora de jogo.

56' Zivkovic coloca a bola dentro da baliza. Lance bem invalidado?

Jorge Coroado: má decisão

A movimentação de Zivkovic não é percetível na plenitude. Certo é que o assistente assinala fora de jogo, que a televisão não comprova

José Leirós: boa decisão

André Almeida pontapeou a bola, nem Pizzi nem Mano tocaram nela e Zivkovic veio do meio campo adversário jogando no seu. Boa decisão

Fortunato Azevedo: boa decisão

Após o pontapé de André Almeida, Zivkovic partiu de uma posição de fora de jogo e recebeu dentro do meu meio campo

LEIA AS RESTANTES ANÁLISES NA EDIÇÃO DESTE DOMINGO IMPRESSA OU E-PAPER