"O FC Porto é sempre uma equipa grande, mesmo nas derrotas"

"O FC Porto é sempre uma equipa grande, mesmo nas derrotas"
Hélio Nascimento

Tópicos

Maurício António reconhece a grandeza do FC Porto, mesmo com um ou outro percalço, mas destaca a estrutura cada vez mais sólida dos alvinegros, hoje já com estatuto de primeira.

Maurício António está no futebol japonês há três anos, mas a ligação a Portugal e, em particular, ao Portimonense e ao FC Porto continua sempre presente. O central brasileiro, titular e pedra influente no Urawa Reds (29 jogos e um golo até ao momento), companheiro de Ewerton e Fabrício, também eles com gratas recordações dos algarvios, comentou o duelo de domingo para O JOGO, perspetivando antes de mais "um jogo bem disputado".

"O FC Porto é sempre uma equipa grande, mesmo nas derrotas", prosseguiu, aludindo ao desaire com o Gil Vicente e à saída precoce da Champions. "Por outro lado, o Portimonense já mostrou ser um conjunto de I Liga, com uma estrutura cada vez mais sólida e pronto a dificultar a vida aos adversários mais cotados. Será um grande jogo em Portimão, não tenho dúvidas."

Maurício, que chegou ao Algarve em 2014 e rumou depois ao Dragão, sendo mais utilizado na equipa B, considera: "Jogando em casa, acredito plenamente que o Portimonense irá dificultar bastante a vida ao FC Porto. Justificando, o defesa de 27 anos sustenta que os alvinegros "têm ótimos jogadores no plantel, como Tabata, que voltou da seleção olímpica do Brasil, e, além disso, a torcida é sempre vibrante". A receita "para a vitória é o Portimonense não se intimidar", garante.

Os triunfos da época passada contra Benfica e Sporting são também mencionados por Maurício, à laia de tónico. "Porque não acreditar que, nesta temporada, o Portimonense poderá bater o FC Porto? O futebol é sempre muito dinâmico e não existe um vencedor antes do apito final. Será uma grande partida e tudo pode acontecer. Boa sorte aos dois grandes conjuntos", acrescenta Maurício, que antes de se transferir para o Urawa Reds atuou ainda no Marítimo.

Do atual plantel do Portimonense, apenas Ricardo Ferreira e Dener dividiram o balneário com Maurício, que, contudo, parece bem identificado com o grupo de trabalho. "Dos novos jogadores, conheço sobretudo Aylton, Anzai e Gonda e sei que têm muito valor. Aliás, o plantel tem muita qualidade e tem demonstrado isso."