Há um jogador no Moreirense que está a agitar o mercado

Há um jogador no Moreirense que está a agitar o mercado

O Moreirense vai exercer a opção de compra sobre o guarda-redes brasileiro e pagar até ao final de junho 250 mil euros por oitenta por cento do passe. Depois tudo se conjuga para que seja vendido no verão.

Mateus Pasinato pode deixar de brilhar na baliza do Moreirense na próxima época. O guarda-redes, de 27 anos, está a cumprir o primeiro dos dois anos de empréstimo por parte do XV de Piracicaba, do Brasil, mas o seu rendimento está a seduzir vários clubes europeus e, nessa perspetiva, a permanência em Moreira de Cónegos para lá desta temporada está longe de ser um dado adquirido.

O Moreirense possui uma cláusula de opção de compra do passe, que é válida até ao dia 30 de junho, e vai pagar 250 mil euros por 80 por cento dos direitos económicos do atleta. A partir desse movimento, a transferência de Mateus Pasinato só poderá ser feita com o aval do clube minhoto. O guarda-redes brasileiro, que em janeiro foi associado ao Sporting, está também a ser equacionado por alguns clubes espanhóis e italianos, os quais aguardam pelo regresso do campeonato para tomar decisões definitivas em relação ao mercado.

A probabilidade de o brasileiro sair no final da temporada é elevada, tanto mais que tem a vantagem de possuir nacionalidade italiana, conseguida através da ascendência paterna. Natural de Concórdia, Santa Catarina, Mateus Pasinato mudou-se cedo para São Paulo, onde iniciou a carreira. E depois do Desportivo Brasil, Rio Preto, Olimpia e Rio Branco, o jogador assinou contrato com o XV de Piracicaba, onde permaneceu durante cinco épocas, sendo posteriormente emprestado ao Vila Nova (Goiás), S. Bento (São Paulo) e, mais recentemente, Moreirense.

O guarda-redes chegou ao Minho para substituir Jhonatan, que saiu para o V. Guimarães, e não demorou muito tempo para fazer esquecer o compatriota. A juntar às exibições conseguidas, importa também referir que o brasileiro é o guarda-redes com mais defesas efetuadas na I Liga até à interrupção do campeonato