Marítimo anuncia transferência do habitual dono da baliza

Paulo Victor foi o dono da baliza do Marítimo em 2021/22

 foto Miguel Pereira/Global Imagens

Paulo Victor prossegue a carreira na Arábia Saudita.

O guarda-redes brasileiro Paulo Victor vai deixar o Marítimo e rumar ao Al-Ettifaq, anunciou este domingo o clube madeirense, após ter chegado a acordo com o emblema saudita.

"A Marítimo da Madeira Futebol, SAD, informa que chegou a acordo com o Al-Ettifaq para a transferência, a título definitivo, do jogador Paulo Victor Mileo Vidotti", pode ler-se no comunicado publicado pelos leões do Almirante Reis no seu sítio oficial na Internet.

O guarda-redes brasileiro, de 35 anos, que tinha contrato até ao final da época 2022/23, foi uma das peças fundamentais de Vasco Seabra na temporada transata, tendo alinhado em 30 partidas oficiais.

Paulo Victor realizou no Marítimo a segunda experiência no futebol europeu - onde ingressou em agosto último proveniente do Grémio -, depois de, em 2017, ter alinhado nos turcos do Gaziantepspor, cedido a título de empréstimo pelos brasileiros do Flamengo, clube com o qual teve uma ligação de 13 anos até rumar para a equipa de Porto Alegre.

"O emblema verde rubro agradece o empenho e a dedicação com que Paulo Victor serviu o nosso clube, endereçando-lhe sinceros desejos de felicidade profissional e pessoal", acrescentaram os madeirenses.

O guarda-redes mais utilizado pelo Marítimo na última campanha é a quinta saída do plantel, seguindo-se aos avançado Alipour, Henrique e aos médios Iván Rossi e Rafik Guitane.