Samuel Lino e o adeus ao Gil Vicente: "A minha namorada é de cá, por isso…"

Samuel Lino e o adeus ao Gil Vicente: "A minha namorada é de cá, por isso…"

Samuel Lino, reforço do Atlético de Madrid, mostrou-se grato pela aposta do clube que lhe abriu as portas da Europa há três anos e possibilitou o salto para Espanha

Em jeito de despedida, Samuel Lino fez um balanço das três épocas no Gil Vicente para agradecer, em especial, a Dito, que acreditou no seu talento, dando-lhe "muitos conselhos", e a Vítor Oliveira, treinador que apostou nele pela primeira vez.

Em entrevista ao canal do clube, o avançado brasileiro, de 22 anos, já contratado pelo Atlético de Madrid (Espanha), por 6,5 milhões de euros, não esqueceu as duas enormes figuras do futebol nacional, que já faleceram: "Tenho um carinho enorme por eles. Foi Vítor Oliveira que me colocou a jogar profissionalmente e o Dito um enorme conselheiro. Foram pessoas muito importantes para mim, que não esquecerei, juntamente com Tiago Lenho", atual diretor-desportivo.

O brasileiro mencionou igualmente o atual treinador, Ricardo Soares, e Francisco Dias da Silva, presidente gilista, a quem trata, carinhosamente, por "avô".

Samuel Lino, que é o mais jovem jogador dos galos a marcar, numa só época, 14 golos, apontou baterias ao futuro, acreditando que ainda tem muito para dar ao futebol: "Foi uma grande época, estamos na história do clube e isso é muito bom. Mas ainda sou novo e acredito que posso fazer muito mais. Acho que o melhor ainda está para vir. O trabalho está a ser compensado e penso que muitas coisas boas ainda estão para vir. Posso jogar em patamares maiores do futebol mundial. Levo o Gil Vicente para a vida, porque foi o meu primeiro clube na Europa, as pessoas que me acolheram." E rematou com humor: "Vou levar Barcelos sempre comigo, a minha namorada é de cá, por isso..."

Explosão com Ricardo Soares

Ricardo Soares, ao desviá-lo do centro para a esquerda do ataque, no final de 2020, contribuiu para a explosão de Samuel Lino. Na primeira época, marcou dois golos; na segunda, 11 e fez duas assistências e nesta última, que terminou anteontem, em Guimarães, 14 golos e cinco passes certeiros para golo.