"Poderia ter sido mais complicado para o Benfica", diz Vítor Oliveira

"Poderia ter sido mais complicado para o Benfica", diz Vítor Oliveira

Vítor Oliveira acha que o Gil Vicente poderia ter aproveitado melhor o ritmo do jogo do Benfica

Sobre o jogo: "Boa primeira parte defensivamente. (...) Tentámos alterar na segunda parte, sofremos o segundo golo e o jogo ficou praticamente decidido. Se tivéssemos feito um golo poderíamos lutar para entrar no jogo. O Benfica vai ter jogo na terça-feira, estava a controlar o jogo. O ritmo do Benfica estava baixo, o que permitia sair algumas vezes, não tantas quanto gostaríamos, não tantas quanto achamos que uma equipa da I Liga deve sair. A derrota deve-se a não termos sido suficientemente competentes."

A opção falhada: "O Baldé entrou para dar mais profundidade ao nosso ataque e obrigar o Benfica a esticar mais a equipa. Ele é um jogador com muita velocidade. Mas, não entrou bem. Esteve três/quatro meses sem jogar por causa dos problemas que todos conhecemos. Está ainda sem ritmo e não foi o jogador que queríamos."

O primeiro golo: "Não terá sido decisivo, mas foi muito importante. A nossa primeira parte foi muito bem conseguida. O Benfica teve o penálti e o golo, nada mais. Se fossemos empatados para o intervalo poderia ter sido mais complicado para o Benfica, embora o Benfica tivesse sido sempre superior"