Gil Vicente: Ivo Vieira iguala números da época histórica com Ricardo Soares

Gil Vicente: Ivo Vieira iguala números da época histórica com Ricardo Soares
Pedro Granja 

Tópicos

Apesar do cansaço de jogar na Europa, a equipa tem os mesmos pontos da era Ricardo Soares.

A vitória alcançada no Funchal, frente ao Marítimo, deixa a formação gilista, orientada, curiosamente, por um técnico madeirense, com um desempenho igual ao de Ricardo Soares na época passada, à sexta jornada da Liga Bwin. A temporada acabaria com o Gil Vicente a conseguir o melhor desempenho de sempre no campeonato, coroado com a inédita qualificação para as competições europeias - Conference League.

Com o mesmo número de vitórias, derrotas e empates, e oito pontos somados, a grande diferença entre os dois conjuntos é que o de Ivo Vieira, que pegou na equipa a apenas três dias do início da pré-época, a 28 de junho, depois da repentina saída do antecessor para os egípcios do Al-Ahly , já vai com mais quatro jogos europeus nas pernas, contra Riga (Letónia) e AZ Alkmaar (Países Baixos), enquanto o de Soares, além do campeonato, tinha realizado dois jogos para a Taça da Liga, não conseguindo chegar à fase de grupos.

Assim, de mansinho, o atual técnico continua a testar jogadores, tendo estreado a titular na vitória contra o Marítimo, por exemplo, Tomás Araújo, defesa-central de 20 anos emprestado pelo Benfica, relegando para o banco o capitão Rúben Fernandes.

Também em destaque a nível individual volta a estar o ponta-de-lança Fran Navarro, que bisou na Madeira e já antes tinha feito o mesmo na goleada (4-0) frente ao letões do Riga, na Conference League, e marcado no empate em Vizela. Desde que chegou a Portugal para representar os minhotos, na época passada, dos minhotos, o espanhol já bisou por seis vezes.