Adrián Marín próximo de regressar a Portugal e reforçar o Gil Vicente

Adrián Marín próximo de regressar a Portugal e reforçar o Gil Vicente
Bruno Filipe Monteiro/Pedro Granja

Tópicos

Lateral-esquerdo, ex-Famalicão, prepara-se para reencontrar Ivo Vieira após operação relâmpago dos gilistas para o garantir

O Gil Vicente tem negociações avançadas para a contratação do defesa Adrián Marín, que se comprometerá com os gilistas para as próximas duas temporadas. O clube de Barcelos encontra-se a negociar os últimos pormenores da transferência com o Granada, que se deverá realizar sem quaisquer custos, ficando o emblema espanhol com 20 por cento de uma futura venda. O lateral-esquerdo espanhol, de 25 anos, esteve na última época ao serviço do Famalicão, treinado até dezembro por Ivo Vieira, técnico que agora reencontrará no Minho.

Esse foi, de resto, um dos fatores que pesaram a favor da proposta do Gil Vicente, que tinha concorrência na corrida por Marín e que teve de agir com rapidez para o garantir. Outro fator do agrado do espanhol é a presença do emblema de Barcelos nas competições europeias, embora uma caminha mais longa esteja ainda dependente do desfecho do play-off com o AZ Alkmaar, dos Países Baixos.

A este propósito, na quinta-feira, ficou a saber-se que o espanhol Guillermo Cuadra Fernández apitará o jogo em Alkmaar, dia 18. Para Barcelos, na segunda mão, dia 25, a UEFA nomeou uma equipa de arbitragem croata, liderada por Fran Jovic.

A chegada de Adrián Marín reforçará o "sotaque" espanhol no plantel gilista, que tem (pelo menos por enquanto...) Fran Navarro e Kevin Villodres, que até foi figura maior da inédita vitória europeia, além de contratação mais cara de sempre do clube (500 mil euros só pelo empréstimo e opção de compra de 1,2 milhões de euros).

Apesar do custo, a verdade é que Villodres está a encantar Barcelos e a estrutura do clube, que vê no jogador de 22 anos talento à altura de assumir a pesada herança de Samuel Lino.