"A gestão da equipa de arbitragem foi diferente do que foi em Alvalade"

"A gestão da equipa de arbitragem foi diferente do que foi em Alvalade"

Sérgio Vieira, treinador do Farense, falou à Sport TV no final da derrota (0-1) com o FC Porto, em partida da 15ª jornada da I Liga

Sobre o jogo: "A primeira parte não foi como desejámos e não tivemos momentos em que controlássemos o jogo. Era o que pretendíamos fazer, mas sabíamos que era muito difícil devido à forma como o FC Porto está coordenado. Também sabíamos que era preciso defender bem e não foi isso que aconteceu no lance do golo. Não conseguimos travar a dinâmica lateral do FC Porto e não estávamos bem posicionados a nível central"

Melhoria: "A segunda parte foi diferente, com situações em que saímos a jogar, a criar ocasiões de golo e tivemos hipóteses para empatar, mas infelizmente não aconteceu. Temos de melhorar. Tenho a esperança que vamos subir na tabela e alcançar os nossos objetivos"

Derrota tangencial com o quarteto da frente: "Olhamos para isso de forma equilibrada. Nuns deu força, outros é frustrante. Há sempre coisas que podiam ser diferentes. Hoje jogou-se pouco na segunda parte, a gestão da equipa de arbitragem foi diferente do que foi em Alvalade, por exemplo. Não põe em causa vitória do FC Porto mas influenciou. Nestes jogos tivemos muitas circunstâncias próprias do projeto em que estamos e influenciou o rendimento. Mesmo assim tivemos boas prestações e em muitos deles a perder no final. Ainda não acabou a primeira volta e temos confiança muito grande de fazer um grande campeonato, subir na tabela e conseguir os nossos objetivos".