"É um castigo demasiado severo perder a vitória nos últimos segundos"

"É um castigo demasiado severo perder a vitória nos últimos segundos"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações de João Pedro Sousa, treinador do Famalicão, após o empate 3-3 em casa do Farense.

Análise: "Foi um jogo difícil, duro para nós. Foi uma primeira parte muito complicada, com problemas que o Farense nos causou, mas também com problemas que impusemos a nós próprios, mostrando extremas dificuldades nos lances de bola parada. Uma equipa profissional não pode permitir que o adversário nos cause tanto dano. Fizeram dois golos e podiam ter feito mais. Não conseguimos dar resposta. Mudámos ao intervalo três jogadores e retificámos alguns posicionamentos. Fomos mais rápidos, pressionantes e concentrados e acreditámos que o nosso jogo podia dar a volta ao resultado. Virámos para 3-2, mas não conseguimos controlar o jogo. Não gerimos bem o jogo e, num lance rápido, nasceu uma situação de contra-ataque que resultou no 3-3."

Resultado justo: "Não podemos permitir que o adversário cause tanto dano em meros cantos, mas também é um castigo demasiado severo perder a vitória nos últimos segundos do jogo, num lance que nada fazia prever. O futebol é assim mesmo e o resultado acaba por ser justo. Foi um bom jogo de futebol".