José Mota: "Nunca tivemos a possibilidade saborear o empate"

José Mota: "Nunca tivemos a possibilidade saborear o empate"

Treinador do Chaves comenta o empate em casa do Feirense.

O Chaves empatou a quatro golos em Santa Maria da Feira, jogo da ronda 32 do campeonato. "Foi um jogo intenso, bem disputado, nem sempre com primor técnico. Houve muita luta pela posse de bola, com uma atitude muita boa de ambas as equipas, o que proporcionou o avolumar o resultado. O nosso objetivo era vencer e estivemos a vencer, mas não reagimos da melhor forma nos pormenores para os quais estávamos avisados, que eram as bolas paradas, de onde surgiram dois golos", afirmou o treinador José Mota.

"Nunca tivemos a possibilidade saborear o empate e irmos à procura da vitória. Fomos sempre uma equipa que procurou o golo e que mereceu o empate, de outra forma seria uma injustiça muito grande. Nós tivemos ambição de lutar pela vitória e o nosso adversário jogou com o resultado. Sabemos que dependemos de nós na luta pela manutenção e temos mais duas finais. Temos que voltar a demonstrar o que fizemos até aqui, porque não perdemos há quatro jogos", completou o treinador flaviense.