Daniel Ramos e a importância dos pontos fora na visita a uma casa que bem conhece

Daniel Ramos e a importância dos pontos fora na visita a uma casa que bem conhece

O Chaves defronta o Marítimo esta sexta-feira, na abertura da terceira jornada

O treinador do Chaves, Daniel Ramos, pretende uma equipa à procura de pontos na deslocação ao Marítimo, na sexta-feira, às 20h30 na terceira jornada da I Liga.

"Temos de aproveitar a possibilidade de fazermos pontos fora, neste campeonato que antevejo difícil e que terá algumas surpresas", destacou na conferência de imprensa.

O emblema de Trás-os-Montes somou a primeira vitória na jornada anterior, em casa com o Portimonense por 2-0, depois da derrota por 5-0 na jornada inaugural no terreno do FC Porto, e Daniel Ramos entende que "é diferente jogar neste momento contra uma equipa grande, ou as restantes equipas, fora de casa".

Apesar das dificuldades esperadas, a ambição dos flavienses passar por vencer e procurar ter "os mesmos comportamentos" quer nas partidas fora, quer nos jogos em casa.

"Trabalha-se melhor em cima de vitórias, a alegria é outra, e com exibições boas ainda é melhor, por isso esperamos manter os níveis de exigência, concentração e eficácia defensiva e ofensiva neste jogo", analisou.

A partida na Madeira marca o reencontro entre o treinador do Desportivo de Chaves e a sua anterior equipa, que orientou nas duas últimas temporadas.

"É um clube que me diz muito e que espero que atinja os seus objetivos", realçou, esperando um encontro difícil frente a um "adversário de valor".

O técnico dos 'transmontanos' sublinhou ainda o facto de o Marítimo ser "muito forte" em casa, considerando que essa "mística" continua presente, pois os madeirenses venceram no seu terreno o Santa Clara por 1-0, na primeira jornada da I Liga.

Com o período de transferências a aproximar-se do final, Daniel Ramos explicou que o assunto está entregue à administração, esperando poder ver reforçado o plantel, nomeadamente no ataque.

"Se conseguirmos contratar, esperamos que entrem jogadores com valor para acrescentar mais capacidade de resposta à equipa", adiantou.