Doença obriga guarda-redes do Chaves a interromper carreira

Doença obriga guarda-redes do Chaves a interromper carreira
António Barroso

Tópicos

Ricardo tem 37 anos de idade e jogou no FC Porto. Flavienses já contrataram um substituto

O guarda-redes Ricardo, do Chaves, interrompeu a carreira, devido a doença do foro oncológico, apurou O JOGO.

Com 37 anos de idade, o guardião, que após três épocas no FC Porto se transferiu para o emblema de Trás-os-Montes em 2016/17, será substituído por Ricardo Moura, que estava sem clube e foi jogador da Académica.

Conforme comunicado entretanto difundido pelo Grupo Desportivo de Chaves, trata-se de uma interrupção por tempo indefinido: "Estamos certos de que estamos perante uma pausa. Aguardaremos, com serenidade, o regresso deste valente transmontano."

"Toda a estrutura da instituição está associada a este momento delicado, mas não temos dúvidas que [Ricardo] irá fazer a defesa mais notável da sua vida. Estamos perante um jogador que é uma referência dentro e fora de campo. Um profissional abnegado e um exemplo para todos. Um líder de balneário. Uma referência ao longo da carreira", refere a nota publicada na rede social Facebook.