Filipe Martins: "Temos capacidade para fazer melhor, mas não jogamos sozinhos"

Filipe Martins: "Temos capacidade para fazer melhor, mas não jogamos sozinhos"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações do treinador Filipe Martins após o jogo Casa Pia-Arouca (0-0), da quinta jornada da I Liga.

Análise ao jogo: "Na primeira parte, claramente não fomos a equipa que costumamos ser, até mesmo a nível defensivo. Demos muito espaço entrelinhas, os setores estavam muito distantes. Na segunda parte, não sendo a equipa que tem vindo a criar as oportunidades que tem tido, conseguimos entrar muitas vezes na área adversária, mas faltou decidir melhor no último momento. Por dentro, estava muito povoado e acabou por ser difícil entrar pela zona central do Arouca. Não sendo um jogo brilhante, acho que tivemos domínio na partida na segunda parte, que pecou pela falta de eficácia na definição."

Sem sofrer golos: "Mais um jogo em que mantemos a baliza a zero, o que nos dá mais um ponto. Vivemos de pontos e foi mais um para somar aos sete que tínhamos. Temos capacidade para fazer melhor, no entanto, não jogamos sozinhos. Jogámos contra uma equipa que tem qualidade e que queria mostrar uma imagem diferente do último jogo."

O jogo do Arouca: "Com a intensidade com que estávamos, muito dificilmente íamos ganhar o jogo. Estávamos muito preocupados com o ataque à profundidade do Arouca, em vez de encurtarmos linhas. Com a qualidade dos jogadores do Arouca, acabaram por descobrir espaço nas costas muitas vezes e causaram-nos alguns problemas. Na segunda parte, mesmo arriscando ter mais espaço nas costas, fomos mais agressivos e compactos, o que tornou mais difícil a construção ao Arouca. Tem um pouco a ver com o decréscimo de rendimento do Arouca na segunda parte, na qual fomos dominadores."