Tiago Sá encabeça rotação do Braga na Taça de Portugal

Tiago Sá encabeça rotação do Braga na Taça de Portugal
Tomaz Andrade

Tópicos

Carvalhal não gosta de fazer muitas mexidas, mas há espaço para algumas, a começar pela baliza. Bruno Rodrigues também no plano.

O regresso do Braga à competição, com a deslocação ao Barreiro para defrontar o Moitense, da 1ª Divisão da AF Setúbal, na terceira eliminatória da Taça de Portugal, vai ser feito com um onze diferente do habitual. Carlos Carvalhal não é adepto de fazer grandes revoluções na equipa, devido ao perigo de descaraterização da forma de jogar dos arsenalistas e também pelo facto de ter havido uma pausa no campeonato por causa das seleções, mas há espaço de manobra para algumas mudanças. O guarda-redes Tiago Sá e os defesas Bruno Rodrigues e Moura serão alguns dos contemplados com as mudanças.

Na última temporada, que culminou com a conquista da Taça de Portugal, Carlos Carvalhal não aderiu à ideia da rotação do onze no primeiro confronto na prova, mas tal ficou a dever-se, em grande parte, ao potencial do adversário. O Trofense, do Campeonato de Portugal, aconselhava cuidados redobrados e o treinador acabou apenas por mexer minimamente na equipa, apostando em Tiago Sá para a baliza e em Abel Ruiz para falso extremo, numa altura em que o espanhol não era uma unidade frequentemente utilizada. Desta vez, o quadro é um pouco diferente, até pelo nível de competição em que o adversário está inserido.
Se a mudança na baliza surge com naturalidade, no setor recuado o técnico arsenalista pretende ver em ação Bruno Rodrigues, um central da formação e que se perfila como aposta futura, tendo sido integrado esta época de forma definitiva no plantel minhoto. Aliás, na hierarquia de centrais, Rodrigues já se encontra à frente de Raul Silva, visto o brasileiro estar em final de contrato e sem hipóteses de prolongar a ligação. Não sendo propriamente uma aposta, Moura precisa de somar minutos de competição depois de ter estado lesionado praticamente durante toda a última temporada e terá também a oportunidade de evoluir na Taça de Portugal.

Fabiano, Lucas Mineiro, André Horta e Piazon são outros jogadores que também deverão surgir no plano de jogo arsenalista para defrontar o Moitense, se bem que estes sejam elementos que têm sido utilizados por Carlos Carvalhal esta época, mesmo não entrando na típica estrutura titular. Atendendo a que Al Musrati está por estes dias na seleção da Líbia, Carvalhal pondera fazer, pelo menos, uma mudança no miolo.