Amorim avalia chegada de Rolando e aborda Wilson Eduardo: "Não sou maluco"

Amorim avalia chegada de Rolando e aborda Wilson Eduardo: "Não sou maluco"
Pedro Rocha

Tópicos

Treinador do Braga falou sobre a contratação do experiente defesa e aprofundou a situação do avançado que se encontra em final de contrato.

Estado de alma da equipa: "Foi um golpe a eliminação da Liga Europa. É normal que a equipa sinta alguma frustração. E eu quero que os jogadores sintam as derrotas. Aproveitámos entretanto para fechar já esse capítulo, depois de termos analisado aquilo em que estivemos bem e mal. Agora só pensamos no jogo com o Marítimo. No dia seguinte ao jogo com o Rangers, sim, senti a equipa triste e até acho isso bom . Acontece com os clubes grandes. Os jogadores já estão nesta altura com outro ânimo. Estamos bem no campeonato e agora temos outro objetivo pela frente. Estamos totalmente focados no jogo com o Marítimo"

Terceiro lugar é o objetivo mínimo? "O mínimo é entrar em todos os jogos para vencer. Cada jogo tem uma história e eu não vou mudar. Vamos fazer tudo para ganhar ao Marítimo".

Impressões sobre o Marítimo: "Temos que fazer o nosso trabalho. O Marítimo tem tido uma evolução muito grande e penso que não merecia ter perdido na última jornada. É uma equipa muito bem trabalhada, com jogadores rápidos na frente. Sabem como nós jogamos e nós trabalhámos para melhorar alguns aspetos táticos. Espero um jogo muito difícil, pois todos querem vencer a uma equipa que atravessa uma boa fase".

Jogadores receosos: "O Braga continua num ciclo muito positivo. Perdeu contra o Rangers, cá e lá, mas assumiu sempre as despesas dos jogo. E eles defenderam nos dois jogos e até estão a lutar pelo título na Escócia. Estamos no caminho certo e por isso estou tranquilo".

Sobre a chegada de Rolando: "Traz uma experiência muito grande. Mas não veio aqui só para passar experiência, pode ajudar nalguns aspetos do jogo. Está em forma e ele aceitou de bom grado cumprir alguns testes físicos antes de assinar contrato. Será importante para os jogadores mais jovens, como é o caso do Anthony que está convocado, conviver com outros habituados a ganhar e a conquistar títulos, como aconteceu com o Rolando".

Sobre Wilson Eduardo: "O facto de estar em fim de contrato é um dos fatores que está a ser levado em conta [para não jogar] e não me preocupo que as pessoas fiquem confusas. Preocupo-me é se o Wilson Eduardo ficar de algum modo confuso. Tenho uma ideia clara e o principal é a minha relação com o jogador. Ele está tranquilo. Sou muito claro e muito honesto. O futebol é como é. Alguns jogadores não vão continuar na próxima época de certeza e estão a jogar. Não sou maluco. Só estou preocupado com o bem-estar dos jogadores".