Rolando deixa o Braga com apenas 16 jogos ao fim de 855 dias

Rolando deixa o Braga com apenas 16 jogos ao fim de 855 dias

Contrato do central terminou ontem, uma ligação que não correu como estava delineada.

Terminou a ligação contratual de Rolando ao Braga. No dia 27 de fevereiro de 2020, o central foi anunciado como reforço dos minhotos com um contrato válido para duas temporadas e meia, mas não teve muita utilização e, sem acordo para a rescisão ou saída para outro clube, acabou por ser afastado dos trabalhos do plantel na segunda época de Carlos Carvalhal no clube, mantendo-se depois dessa altura a treinar à parte até ao fim do contrato.

Feitas as contas, Rolando foi jogador do Braga durante 855 dias e somou apenas 16 jogos, num total de 798 minutos em campo.

Contratado para acrescentar experiência ao plantel arsenalista, o defesa-central foi utilizado em três jogos na época 2019/20, sempre sob orientação de Custódio, e em 84 minutos registou uma expulsão. Na temporada 2020/21, a primeira de Carvalhal após o regresso ao Minho, Rolando esteve presente em 13 jogos dos bracarenses, num total de 714 minutos, e marcou um golo.

A última vez que foi visto em campo foi no dia 17 de abril de 2021, há mais de um ano, no jogo com o Rio Ave. Apesar de pouco utilizado, o central saiu de Braga com mais um título, a Taça de Portugal.