Palhinha revela desejo de "ser campeão pelo Braga"

Palhinha revela desejo de "ser campeão pelo Braga"
Redação com Lusa

Tópicos

O jogador emprestado pelo Sporting aos bracarenses, destacou o triunfo na final da Taça da Liga sobre o FC Porto (1-0), como "a vitória mais saborosa" da sua carreira.

O médio Palhinha disse esta sexta-feira que esta é a melhor época da carreira, tendo destacado a conquista da Taça da Liga e o golo na Luz que quebrou um longo jejum do Braga.

"Sim, este é melhor ano da minha carreira, sobretudo porque já conquistámos uma Taça da Liga, e um título torna logo diferente uma época", afirmou o jogador na rubrica "Duas de Letra", promovida pelo clube minhoto nas suas redes sociais, respondendo a perguntas dos adeptos e demais cibernautas.

O jogador emprestado pelo Sporting aos bracarenses, que esta época já fez 35 jogos e quatro golos em todas as competições, destacou mesmo o triunfo na final da Taça da Liga sobre o FC Porto (1-0), como "a vitória mais saborosa" da sua carreira até ao momento.

O jogador de 24 anos frisou ainda o crescimento e evolução como jogador desde que está no Braga [segundo ano de empréstimo], clube que "já é um dos grandes do futebol português".

"O Sporting de Braga foi um clube que me deu a oportunidade de me valorizar, de mostrar o meu valor, deu-me a mão numa altura menos bonita na minha carreira. É um clube que tem vindo a crescer dia após dia, tem uma estrutura muito grande e, para mim, já é um grande do futebol português. Se continuar assim, vai conquistar objetivos nacional e internacionalmente", anteviu.

Autor do golo diante do Benfica (1-0) que, 66 anos depois, voltou a dar uma vitória ao Braga no Estádio da Luz em jogos do campeonato, Palhinha admitiu ter sido "um golo muito especial pela envolvência toda, mas mais importante foi ganhar, que permitiu quebrar esse jejum".

Revelando ter o desejo de "ser campeão pelo Braga", o médio disse preferir o esquema tático 4x3x3, porque lhe dá "mais liberdade: gosto de jogar sozinho ali e de ter um 8 e um 10 à minha frente".

Ser "trabalhador" e "agressivo", no sentido de que gosta de fazer "um bom carrinho ou corte", são as qualidades que destaca em si próprio.

Instado a escolher o jogador português preferido, escolheu um com quem partilhou o balneário no Sporting e agora alinha no Monaco, Gelson Martins: "Não o digo por ser um dos meus melhores amigos, mas porque o conheço bem e reconheço todo o valor que ele tem".