"Mercado? Os nossos jogadores despertaram uma cobiça muito grande..."

"Mercado? Os nossos jogadores despertaram uma cobiça muito grande..."
Tomaz Andrade

Tópicos

Treinador do Braga entende que com o início da competição o mercado de transferências devia fechar, mas diz estar preparado para tudo.

Jogo com o Marítimo, no Funchal: "Obviamente, todos os jogos são difíceis e há alguns que, por tradição, são ainda mais difíceis, como este com o Marítimo. Gostamos de desafios e de combater a tradição mais recente. Vamos apostados em ganhar. O próximo jogo é sempre o nosso grande objetivo, será assim durante toda a época e a ambição é a mesma de sempre".

Mais opções do que na Supertaça: "Para o jogo com o Sporting houve três baixas por castigo, todos eles jogadores de ligação, Ter mais jogadores disponíveis são boas notícias, assim podemos modificar o jogo. Sentimos que estamos mais fortes e pretendemos melhorar de jogo para jogo, contando que a equipa está entrosada por ter muitos jogadores do ano passado".

Rui Fonte: "O Rui Fonte foi convocado para a Supertaça, mas não esteve no banco. Ele está a readquirir o ritmo de jogo depois de uma lesão grave; ele tem um caminho para lá chegar e isso consegue-se nos jogos e nos jogos-treino. Quando estiver perto do seu nível, poderá ajudar a equipa".

Mercado: "Sou apologista que o mercado devia fechar antes do início do primeiro jogo. No nosso caso, depois da boa época que fizemos, os jogadores valorizaram-se e despertaram uma cobiça muito grande. Isso torna a nossa tarefa mais difícil, mas é o que é. Até 31 de agosto tudo é possível. Nunca veto a saída de um jogador, foi assim com Paulinho e o Esgaio, e coloco sempre os interesses do clube à frente. O que posso dizer é que estou satisfeito com os jogadores que tenho. O Messi está disponível, mas acho que não está ao alcance".

Positivo e negativo da Supertaça: "Como positivo destaco a forma como abordámos o jogo, com algum ascendente e controlo. De negativo foi termos sofrido golos. Conseguimos anular sete iniciativas do Sporting e depois tivemos uma distração que nos custou caro. Devíamos ter chegado ao intervalo com um empate. Considero que a equipa vai crescer e ser mais consistente no futuro".