"Iuri Medeiros ainda não atingiu o expoente máximo, é capaz de fazer muito mais"

"Iuri Medeiros ainda não atingiu o expoente máximo, é capaz de fazer muito mais"
Melo Rosa

Tópicos

Extremo fez o primeiro bis do Braga e o segundo na carreira. Miguel Leal, que o treinou, acredita que esta pode ser a melhor época de sempre.

Dezoito minutos depois de ter entrado, na receção ao Tondela, Iuri Medeiros fez o primeiro golo do Braga, interrompendo um período de 261 minutos dos arsenalistas sem marcar no campeonato. E, já em cima do final do jogo, o extremo fez o 3-1, sentenciando a partida e assumindo, assim, a liderança dos marcadores da equipa de Carlos Carvalhal, com três golos. Apesar de Ricardo Horta - autor do segundo diante dos beirões - também ter três remates certeiros, Iuri tem vantagem por ter menos tempo de utilização: 137 minutos na Liga Bwin contra 385 do capitão. Este foi o primeiro bis de um jogador do Braga esta temporada e o segundo na carreira do futebolista natural da ilha do Faial.

A primeira vez que cometeu tal proeza foi a 12 de março de 2017, ao serviço do Boavista, na receção ao Marítimo. "O Iuri sempre foi um excelente finalizador, principalmente naquelas bolas da direita para a esquerda, para chutar a com o pé esquerdo e em zona perto ou dentro da área. Além de um bom assistente, também é um bom finalizador", refere Miguel Leal, o então treinador do Boavista.

"Sinceramente, acho que ainda não atingiu o expoente máximo, é capaz de fazer muito mais. Pode ser que estes dois golos lhe deem ânimo para atingir o nível que entendo que pode atingir", acrescenta, fazendo uma avaliação das características do seu ex-atleta.

"Em termos técnicos é um jogador acima da média, com uma inteligência de jogo muito grande. Emocionalmente é que tem de amadurecer mais, ser mais regular, menos intermitente e mais consistente. E do ponto de vista físico ser dedicado nos treinos, porque isso tem reflexo no jogo", defende, considerando que por estar "mais maduro" tem todas as condições para se "afirmar definitivamente no nível mais elevado do futebol português e para fazer a melhor época de sempre".